Frases

Algumas das frases que Jared disse ao longo de sua carreira em entrevistas ou artigos.


 

“Eu deixei a escola no ensino médio porque eu simplesmente não estava interessado. Eu era um menino mau. Mas agora sou outro.”

“O pai da minha mãe era da Força Aérea, por isso, viajar era uma forma normal de se viver.”

“O trabalho mais legal que eu tive foi com 12 anos. Era lavador de pratos no Three Pigs Bar-B-Que, ganhava U$2,50 por hora. Todos os fleabags e stoners (Sujos e Rockeiros) trabalharam lá, por isso era onde eu queria estar.”

“Não, eu não uso lentes de contato, e ao contrário do que algumas pessoas disseram, eu não tenho um olho de vidro.”

“Eu vivo uma vida muito privada e isso é atraente para mim. Eu acho que eu só estou conseguindo ser mais bem-sucedido sendo o mais privado possível.”

“Você sabe que é muito famoso quando há rumores sobre você ser gay.”

“Existem relatos de que eu durmo no meu armário. Eu não sei como as pessoas conseguiram isso. Elas estão tão obcecados com o que você faz em casa.”

“Eu me apaixono por toda mulher bonita que encontro. Essa foi a coisa mais estúpida que eu já ouvi! Eu sou o mais oposto que você pode imaginar de toda essa declaração.”

“Não tenho nenhum desejo de mostrar ao mundo a minha cueca suja”.

“Muitas pessoas têm tentado obter felicidade e serenidade nas coisas exteriores; é praticamente conhecer essa estrada que não leva para lugar algum. Eu nunca ouvi ninguém dizer: ‘A fama me fez ser a pessoa completa que sou hoje.’ Bom, tenho certeza que têm pessoas que dizem isso, mas ninguém que eu respeito.”

“Se eu estiver em um momento muito dramático e emocional na minha vida, há uma pequena parte de mim que diz: ‘Lembre-se disso, sempre.’”

“O único esporte que eu já joguei em uma equipe foi hóquei. Jogava na direita. Só joguei por um tempo porque nós nos mudamos do Norte para o Sul, e quem joga hóquei no Sul? Custava um milhão de dólares.”

“Quando eu era criança, minha mãe me mostrava filmes o tempo todo. Eu cresci com os grandes filmes de Scorsese.”

“Atualmente estou lendo 4 livros. Quando eu era muito jovem, eu reli As Crônicas de Nárnia do C. S. Lewis. Eram fantasias disfarçadas com algum tipo de ideia religiosa solta por lá.”

“Eu odeio dizer isso a você, mas o sexo era uma das muitas coisas que eu fazia pela primeira vez durante minha pré-adolescência. Eu era um menino mau. Me pendurei nos loucos e fiz coisas insanas.”

“As pessoas pensam que eles são especiais ou diferentes só porque são um atores. Eu acho que há uma noção romântica entre arte e drogas por causa do impacto criativo óbvio que algumas delas têm em alguns desses artistas. Acho que têm pessoas ágeis para criar sob o efeito de drogas. Está tudo bem para eles, porque eles estão criando e esse é o seu estilo de vida, eles precisam disso, porque eles são pressionados. Mas eu não acho que são motivos tão grandes. Há milhares de pessoas lá fora que passam por problemas de dependência química, alcoolismo ou o que for. Olhe quantos encanadores e trabalhadores da construção civil, banqueiros e homens no mercado de ações estão andando e virando a esquina para comprar sacos de droga todos os dias. Eu só acho que os seres humanos têm uma natureza viciante.”

“Não gosto de sair para shoppings ou ir a torneios de golfe de celebridades. Eu estou tão no meu próprio mundo. Eu tenho o meu cão, minha música , meu irmão, alguns amigos…”

“Eu sou apenas um organismo pulsante de intensa energia, chutando e contraindo.”

“A ideia de que eu jamais iria acabar no David Letterman ou Jay Leno é horrível. Eu sou como uma aberração em comparação a maioria dos outros caras de vinte e cinco anos de idade. Eu não faço ideia do que as outras pessoas estão pensando. Eu realmente não estou me interesso.”

“Eu não gosto de dar entrevistas. Não finjo ser algum super-neurótico me escondendo no meu armário. Eu poderia me importar sobre ninguém saber quem eu sou, mas eu percebi que isso faz parte do jogo. Talvez se eu realmente odiasse essa coisa exposição geral, então eu iria fazer jogos em Hoboken.”

“A nossa pequena família viajou para alguns lotes. Moramos em cidades como Louisiana, Virginia, Colorado e Wyoming, e também vivemos na América do Sul e Haiti.”

“Foi ótimo crescer como um nômade. Até hoje eu amo caminhar e empacotar mochilas.”

“Eu só quero fazer um bom trabalho com as pessoas que eu respeito. Eu quero ter um pouco de dignidade.”

“Se eu permanecesse como ídolo teen para sempre, eu me mataria.”

“ Eu nunca fui bom em colocar minha vida pessoal à venda.”

“Algumas pessoas vivem a sua vida como um livro aberto e sentem-se bem. Mas eu sou uma pessoa privada .”

“Eu sonhei com tubarões por toda a minha vida. Sonhei em ser cercado por milhares de tubarões que estão mastigando pedaços de mim. Eu sempre tive sonhos muito selvagens, intensos, vívidos, sonhos muito vivos.”

“Eu tenho muitos sonhos apocalíptico, sonhos loucos. Eu sonho com tubarões frequentemente, no mar, debaixo de mim, mordendo pela metade. Na noite passada, sonhei que eu era um alienígena, como uma espécie de Fênix, ou um grifo ou algo assim, e minha pele era feita de fogo, e eu estava lutando contra outra criatura na terra, e podia ver a curvatura do mundo. Isso foi muito a par da maioria dos meus sonhos.”

“É [Nova York] a maior cidade do mundo. Quando eu ando pelas ruas me sinto incrível!”

“Quando eu era criança, eu era o rei dos mullets. Se você está vestindo uma camisa de rock e é fã do Rush – uma das maiores bandas do universo – você tem que ter um mullet.”

“Eu queria ser pintor, porque eu cresci com um monte de pintores e fotógrafos que tiveram uma educação muito artística. E eu fantasiava sobre ser um traficante de drogas, quando eu era criança. Eu pensei que seria uma boa oportunidade; Eu sabia que o mercado seria forte. É bizarro?”

“Eu fui criado pela minha mãe e nos mudávamos constantemente. Houve algumas situações muito interessantes na vida. Quando eu tinha 12 anos estávamos no Haiti; que foi uma experiência inesquecível. É um país sofisticado em alguns aspectos, mas ao mesmo tempo é também o país mais pobre do hemisfério ocidental. Enquanto eu estava lá eu estava subindo em árvores de manga e e me agitando por todos os lugares.”

“Eu estava muito em meu próprio mundo, nunca fui um garoto popular. Mas eu tinha uma grande família, um grande irmão e mãe.”

“Eu estava estudando na Escola de Artes Visuais de Nova York e sai para me juntar com meu irmão, que pilotava carros de corrida, em Indiana. Ele estava me ensinando e fiquei um tempo por lá com ele. Em seguida, ele começou a ter problemas com a lei e foi preso, por isso vim para Los Angeles com uma mochila e algumas centenas de dólares no meu bolso.”

“Eu escuto um monte de músicas dos anos 80. Às vezes escuto The Breakfast Club e Pretty in Pink, mas mais do tipo Tangerine-Dream. Aphex Twin é sempre divertido para dormir. Eu sempre amei Bjork e sou apaixonado pelas músicas do Peter Gabriel, [The Last Temptation of Christ] é um dos álbuns mais incríveis que eu já ouvi.”

“Eu acho que eu vou dar um tempo em atuação nos filmes e explorar algumas outras coisas na vida. Eu só preciso entrar em um RV ou meu carro, e visitar todos os 50 estados.”

“Eu não gosto de sair de casa, a menos que eu preciso. Eu preferiria estar em uma caverna, com uma porta. Talvez uma caverna hobbit gigante, com tapetes peludos. Algo realmente aconchegante, com uma lareira – algo que você poderia ficar dentro por seis a 15 meses sem parar.”

“Eu quero ser levado para o meio de uma floresta com um cadáver fresco dentro de um buraco cavado na terra e ter minha nudez, recém-mortos com uma leve camada de sujeira jogados no chão, espalhados, para que os animais pudessem vir e apenas uma espécie pudesse me corroer.”

“Eu roubei muito quando eu era criança. Não roubava apenas um doce, eu levava a caixa inteira. Também gostava de invadir casas de outras pessoas e entrar nos quartos. Achava muito reconfortante estar na casa vazia de um desconhecido.”

“Uma lembrança que tenho é de estar num lugar onde havia um monte de cães e meu irmão entrou numa briga terrível com um cão e ele arrancou o dedo do pé do meu irmão. Eles se tornaram amigos depois disso. Ele perdeu um dedo do pé e ganhou um amigo.”

“É [Haiti] o país mais pobre do Hemisfério Ocidental. Foi horrível ver pessoas vivendo na rua, em barracas e tomando banho em água de esgoto, tomando água suja e morrendo de fome. Foi inesquecível.”

“Eu nunca tinha ido a Califórnia e sempre foi um lugar mágico para mim. Meu irmão pilotava carros de corrida em Indiana e ele entrou em apuros e foi preso. Então eu vim para cá. Na primeira noite, eu dormi na praia de Veneza.”

“Eu desmontava computadores e depois montava novamente. Tenho um supercomputador que eu construí ao longo dos anos com diferentes partes de outros computadores.”

“Anos atrás, havia um boato que eu estava morto porque eu estava trabalhando na Irlanda. Quando voltei, haviam pessoas que pareciam muito chatiadas que vieram até mim e disseram: “Nós pensamos que você estava morto!”

“Eu gosto de fazer longas viagens no deserto, encontrar um local tranquilo, e atirar com minha Glock.”

“Eu sempre gostei de Saturno. Mas também tenho um tipo de simpatia por Plutão porque eu ouvi dizer que ele foi rebaixado como planeta, e eu acho que deve continuar sendo um planeta. Uma vez que você deu status planetário a algo é meio insignificante tirar depois.”

“Ter uma caixa de DVD num ônibus é muito bom, porque você fica viciado nisso por horas durante um tempo enquanto estiver dirigindo do Texas à Atlanta. Só assisti a primeira temporada de 24 Horas. Achei muito bom.”

“Eu sempre tive uma compreensão, conexão e um bom relacionamento com homens e mulheres homossexuais. E eu não quero me censurar sobre esse assunto, porque não tenho o menor problema com gays e héteros.”

“Eu cresci com um monte de artistas e liberais. Eu nunca fui muito protegido.”

“Eu tive apenas uma namorada durante minha vida inteira.”

“Eu me me atraio por tantos tipos diferentes de mulheres. Sou basicamente empreendedor de oportunidades iguais.”

“Eu nunca tive esse sentimento de atração por homens como tenho por mulheres. Mas se eu ver um um homem e me sentir atraído… provavelmente seguiria em frente com isso. Claro, pra mim, é fácil dizer isso agora. Se isso aconteceu, talvez seria algo confuso e difícil, considerando o mundo em que vivemos.”

“Às vezes você quer comprar a porra de uma ilha e desaparecer.”

“Eu nunca me interessei em papéis como ‘Teen Beat’. So queria trabalhar.”

“Fui para Los Angeles com U$ 500 no bolso e uma mochila, fiquei em um abrigo onde ninguém me deu nada. Eu trabalhei por cada coisa que eu tenho.”

“Todos nós criamos um mundo para nós mesmos. Nós vivemos dentro dele e se é nossa zona de conforto, a nossa zona criativa, profissional, sexual, ou o que seja, vivemos em nosso próprio tipo de círculos e ciclos. É algo que às vezes você quer fugir.”

“Eu sempre fui fascinado por elementos sobrenaturais. Sinais e símbolos e suas relações com culturas e subculturas.”

“Alguém sabe como é trabalhar com seus irmãos, pode ser um desafio em seus próprios caminhos, mas em outras palavras é gratificante. Há uma conectividade e um conhecimento um do outro que permite que você trabalhe num nível distinto onde outras pessoas não podem se comunicar ou se conectar criativamente que seja exatamente da mesma maneira.”

“Alguém me disse, quando eu era mais jovem, que um bom jogo ou livro irá lhe dizer do que se trata apenas pelo título. Eu gosto disso. Mas eu também gosto de coisas que não são necessariamente enunciados. Acho interessante quando tenho que desvendar as coisas.”

” Eu não faço outro trabalho, mas escalo rochas e piloto motos. Meu irmão era um piloto bem sucedido. Ele tentou me ensinar como fazer isso. Mas eu realmente não via o perigo nestas coisas. Quero dizer, é mais perigoso dirigir pela estrada, confiando em todas as pessoas com esses carros grandes.“

” Isso é o problema da internet, esta grande fuga que temos. Tudo automaticamente se torna ‘fato!’”

“Eu passei um tempo na prisão. Apenas algo normal. Escute, eu tive tanta vantagem na minha vida, eu não preciso inventar coisas. Eu não bato de frente como o Sr. Angst.”

“Quando eu era criança, ouvi um ‘fato’ sobre o comercial da Pepsi com Michael Jackson. Havia um garoto naquele comercial, Alfonso Ribeiro, daquele velho programa de TV ‘Silver Spoon’. Bom, meus amigos e eu ouvimos que Alfonso girou de cabeça para baixo no comercial, acabou quebrando o pescoço e morreu. E eis que anos mais tarde ele apareceu em Um Maluco No Pedaço.”

“Eu fui criado com um monte de artistas, músicos, fotógrafos, pintores e pessoas que faziam teatro. Basta ter a experiência da arte hippie como uma criança, não havia uma linha clara desenhada. Compartilhamos experiência e expressão criativa.”

“À medida que envelheço, mais interessado me torno pela história e acho que os meus amigos também. Você meio que olha o passado. E eu definitivamente estou fascinado pela história.”

“Tem tantas outras coisas que eu sou apaixonado em minha vida. ”

“Uma mulher é realmente sexy quando ela conhece a si mesma e não tenta ser algo que ela não é.”

“Quando você estiver cheio de dúvidas e isso parecer impossível, ainda haverá alguém que acredita em você: eu.”