Resumão das novidades sobre o Mars ditas no Meet & Greet no Brasil

A passagem da Monolith Tour no Brasil não poderia ser somente dos shows da banda que arrastaram multidões nos três estados contemplados (São Paulo, Curitiba e Rio Grande do Sul). Nossa equipe esteve presente em todos os shows do Mars por aqui e também em todos os M&G e, por isso, lhes apresentaremos as novidades sobre o Thirty Seconds to Mars com autenticidade e em primeira mão sobre tudo o que rolou durante no Q&A que nada mais é que uma rápida interação entre a banda e seus fãs que adquiriram pacotes oferecidos pela banda para terem esse momento.

Resumidamente, os primeiros meets foram o questionamento normal que os fãs têm com a banda, mas no meet de Curitiba o negócio se tornou mais sugestivo. Jared, preocupado com a opinião, gosto e sugestões dos fãs, fez uma série de perguntas e nos questionou sobre conselhos para melhorar a vinda da banda ao nosso país. O Thirty Seconds To Mars tem uma preocupação e dedicação gigantesca com seus fãs e isso torna a banda ainda mais especial, com isso, tivemos a certeza de que o futuro do Mars tende a melhorar bastante, pelo menos com o Echelon brasileiro.

Lembrando que essas informações são EXCLUSIVIDADES do jaredleto.com.br, e qualquer informação retirada desse post para ser compartilhado em quaisquer rede social/ página/ site de qualquer natureza, é dever do autor creditar nossa equipe pois foram informações que obtivemos com muita dedicação e sacrifício para compartilhar de coração aberto com vocês. Qualquer dúvida sobre regras de cópias e compartilhamento de informações, estão descritas em nossa política de privacidade e ética do site aonde você pode ler AQUI. Apenas pedimos respeito ao nosso trabalho.

Abaixo segue o resumo dos meets das três cidades que tiveram a Monolith Tour aqui no Brasil.


SÃO PAULO:

  • A primeira passagem da Monolith Tour que aconteceu no Brasil foi na metrópole São Paulo, (explicamos tudo o que rolou durante o show da banda pela cidade neste post especial que preparamos para você, só clicar AQUI.), e teve bastante curiosidades durante o meet da cidade no que diz respeito aos planos futuros da banda.

 

  • Uma das perguntas feitas no meet foi para o Shannon a respeito de Remedy, se a canção diz sobre alguém. Shannon disse que escreve músicas pensando em pessoas pois arte se trata de experiência que tivemos, além disso, uma fã agradeceu ao Shannon por toda a inspiração que ele deu a ela para que ela tocasse instrumentos em uma declaração emocionante e linda, deixando Shannon completamente agradecido pela dedicação e afeto.

 

  • Outra fã perguntou sobre a importância do Brasil na vida do Mars e Jared respondeu que nós, echelon brasileiro, somos muito importantes, o Brasil é um lugar aonde eles se sentem confortáveis em estar, somos dedicados, loucos e incríveis, um dos melhores públicos do Mars.

 

  • Perguntaram também se tem a possibilidade de um Camp Mars no Brasil e Jared começou a brincar com o pessoal que citava o nome das cidades para realizar o acampamento como Bahia, Florianópolis (ele citou bastante essa cidade), Curitiba, Rio de Janeiro e até São Paulo, Jared brincou dizendo “Em São Paulo seria Camp Mars no meio dos prédios, Camp Mars na cidade.”.  A galera começou a sugerir lugares da cidade para o Camp, até praias e tudo mais. Fizeram a mesma pergunta no Meet de Porto Alegre e resumidamente a resposta do Jared foi a seguinte: “Nós gostaríamos muito. Mas demanda muitos funcionários. Exemplo: Para cada 500 participantes, precisamos de pelo menos 100 funcionários. Em um país que não conhecemos, é ainda mais complicado. Inicialmente tentaremos realizar uma edição na Europa. Dependendo de como tudo funcionar, nós podemos tentar uma edição no Brasil. Onde seria um bom local? Búzios? Florianópolis? Bahia?”. Independente de onde possa ser, esperamos que dê tudo certo.

 

  • Perguntaram sobre o America, se o álbum tinha alguma intenção política ou algo relacionado a isso, a resposta do Jared começou a explicar a situação dos EUA para a gente, principalmente na época das eleições, e depois perguntou para a gente se estávamos felizes com o rumo que as eleições presidenciais estão tomando por aqui. Disse que estamos passando por um momento muito semelhante aos dos americanos pois Jared afirmou que ficou sabendo que estávamos prestes a eleger um “cara louco” #ELENÃO. A pergunta que a Helen da nossa equipe fez para o Mars foi se teve diferença no processo de criação entre os outros álbuns do Mars para o America, Jared respondeu que nesse álbum eles queriam mergulhar em algo diferente, inovador, experimentar novos estilos, renovar.

PORTO ALEGRE:

  • A Helen da nossa equipe perguntou para o Shannon se Remedy foi algo que ele havia planejado há algum tempo. Sua resposta: “Não. Na verdade a ideia surgiu enquanto nós criávamos o America. Eu nunca tinha pensado na possibilidade de criar uma música a qual eu cantasse. Mas com o America nós tivemos mais liberdade criativa do que nos álbuns anteriores, e quisemos inovar.” Jared, continuando a resposta de Shannon, disse: “O nosso processo criativo atualmente é algo mais livre do que anteriormente. Recentemente compus uma música enquanto estava em Paris, que se parece com uma música do Ed Sheeran. Não sei se vocês iriam gostar.” 

 

  • Os irmãos também foram questionados do porquê de não tocarem músicas mais antigas. Jared respondeu: “Nós fizemos algumas tentativas de tocar músicas do primeiro álbum, mas as pessoas simplesmente não se empolgam pois não as conhecem, em sua maioria. Meu objetivo num show é agradar o maior número de pessoas possível e não apenas uma; Seria incrível tocar músicas antigas, mas elas não causam o mesmo impacto do que as mais recentes num show, e é isso o que esperamos.” 
CURITIBA:
  • Jared mencionou que a banda ficou sabendo que os preços dos ingressos da turnê no Brasil estavam muito caros, principalmente em Curitiba. Então, ele disse que a banda não tem envolvimento com o valor de ingressos, e quem decide isso é a empresa que os traz.
  • O Mars pediu sugestões para os fãs sobre quanto tempo de antecedência queriam para que um anúncio de turnê no Brasil fosse feito, pois também ficaram sabendo que pelo anúncio ter sido com apenas 2 meses antes dos shows que aconteceriam por aqui, muitos fãs não conseguiram ir. Os fãs responderam que cerca de 4 à 6 meses de antecedência seria ótimo.
  • Jared mencionou também que as empresas as vezes falaram pra eles não virem com tanta frequência ao Brasil, para que não haja uma “saturação” por parte do público, e os shows esvaziarem. As vezes eles sentem essa vontade de voltar para o Brasil, mas as empresas os aconselham à aguardarem mais um pouco, esperarem o momento certo de vir.
  • Ele questionou qual o tempo ideal para que voltassem para o Brasil de modo que todos sentissem saudades do Mars, e os fãs responderam que cerca de 2 anos eram suficientes.
  • Também foi questionado quais as melhores opções para realizar um show no Rio de Janeiro, por conta da segurança. No final das contas, acabaram que os próprios fãs aconselharam a não fazer por enquanto, pois por conta do toque de recolher, os militares nas ruas, e outros motivos, os pais acabariam não deixando seus filhos irem aos shows, e a própria banda estaria em risco, já que eles sempre gostam de explorar as cidades que visitam.
  • Jared também perguntou quais regiões eram interessantes deles visitarem numa próxima turnê, e todos responderam que Nordeste seria o ideal, já que havia muitos fãs por lá. Dentre as cidades citadas, Recife foi a mais solicitada para um show. Jared disse que guardará essas informações para uma turnê mais estruturada da próxima vez, e falou também que não quer esperar o lançamento de um álbum para ter que voltar. Voltarão assim que puderem.

Esperamos ansiosamente pela volta do Mars desde o primeiro momento que eles saíram desse país, óbvio que existem pessoas que desejam que eles venham para cá todo ano, mas entendemos o lado deles e o lado das organizadoras. Tudo é uma questão de estratégia. A única coisa que desejamos é que essa banda seja eterna por nos representar imensamente, por nos encantar tanto e por serem tão dedicados aos seus fãs. Dedicação foi o que eles mais provaram ter durante esses Meets e isso só aumenta nossa certeza de que Thirty Seconds To Mars não decepciona seu público em absolutamente nada.

Aguardamos ansiosamente pela volta de vocês, com ou sem turnê.

ATENÇÃO: A CÓPIA TOTAL OU PARCIAL DESTE ARTIGO É TERMINANTEMENTE PROIBIDA. DEEM CRÉDITOS! RESPEITE NOSSO TRABALHO.

Matéria exclusiva do nosso site, coletado com sacrifício e disponibilizado de coração aberto para vocês, por favor, respeitem nosso trabalho, se houver compartilhamento de informações.
Publicado por Bianca em 20/out/2018

COMENTÁRIOS